buscar
por

Praticar a caridade

“Os religiosos, portanto, fiéis à profissão, deixando tudo por amor de Cristo (cfr. Mc. 10,28), sigam-no
(Mt., 19,21) como única coisa necessária (cfr. Lc. 10, 42), ouvindo a Sua palavra (Lc. 10,39), solícitos das coisas que são d’Ele (cfr. 1 Cor. 7,32).” (cf. Perfectae Caritatis, 5) Esta é a motivação para exercer a missão, praticar a caridade e inculturar o Evangelho. A inspiração dos fundadores dos Redentoristas, Filhas da Caridade e Família do Verbo Encarnado.

Filhas da Caridade

Carisma_Filhas da Caridade

Doadas a Deus, em comunidade, para o Serviço dos Pobres. Este é o carisma das Filhas da Caridade, fundadas na França por São Vicente de Paulo e Santa Luísa de Marillac no século XVII. As irmãs possuem atuação expressiva na evangelização, educação e atendimento a doentes e idosos. São a primeira congregação religiosa feminina no Espírito Santo, chegando em 1900 a convite de Dom Neri. Atuam no ramo da educação, no Colégio São José, em Vila Velha.

Anunciar a Redenção

Carisma_Redentoristas

Essa foi a inspiração de Santo Afonso de Ligório ao fundar a Congregação do Santíssimo Redentor, no ano de 1732, na Itália. O jovem e renomado advogado, aos 30 anos, contra a vontade do pai, abandonou o exercício da profissão e tornou-se sacerdote. Os membros desta congregação são chamados de redentoristas e tem a sua principal forma de apostolado na missão. Em nossa Arquidiocese, os Redentoristas estão presentes na Paróquia Sagrada Família, em Cariacica, onde residem quatro religiosos na comunidade.

Família Religiosa do Verbo Encarnado

Carisma_Verbo Encarnado

Padres e irmãs que se encarregam de fazer memória da Encarnação de Jesus Cristo e anunciá-la a todas as pessoas. Esta é a família do Verbo Encarnado, fundada na Argentina, no ano de 1984. Os padres constituem o Instituto do Verbo Encarnado e exercem sua missão nas famílias, na educação, nos meios de comunicação, promovendo a Evangelização da Cultura. Chegaram em nossa Arquidiocese no ano de 2012 e hoje três padres trabalham nas paróquias São José de Anchieta e São João XXIII, ambas no município de Serra. O ramo feminino é chamado de Instituto das Servidoras do Senhor e da Virgem de Matará e chegaram no ano de 2011. As seis religiosas se dividem em duas comunidades, uma em Vila Velha, na paróquia São Francisco de Assis e outra em Serra, na paróquia São José de Anchieta, auxiliando nos trabalhos pastorais onde estão inseridas.

editor1

Arquidiocese

Fundada em 1958 e abrangendo 15 municípios do Estado do Espírito Santo conta com 73 paróquias. Desde 2004 D. Luiz Mancilha Vilela é o arcebispo da arquidiocese.

Mais posts do autor

COMENTÁRIOS