buscar
por

Igreja dos Reis Magos reabre as portas após restauro

A Igreja dos Reis Magos, em Nova Almeida, na Serra, reabriu as portas para visitação nesta segunda-feira (dia 02 de dezembro). Estiveram presentes na reinauguração o arcebispo da Arquidiocese de Vitória, Dom Dario Campos, o pároco da Paróquia Epifania do Senhora aos Reis Magos, frei Iduíno Puobel de Moraes OFMCap, padre Paulo Régis, Vigário Episcopal para assuntos econômicos e patrimoniais, o prefeito do Município da Serra, Audifax Barcellos, a presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Ipahn-ES), Kátia Bogéa e a superintendente do Instituto, Elisa Machado Taveira.

Da estrutura do telhado ao beiral da Igreja dos Reis Magos, tudo foi restaurado. O revestimento interno e externo ganhou um retoque de argamassa histórica, além de reforço na pintura a base de cal. Durante as obras, o sistema elétrico e os equipamentos hidráulicos também foram substituídos e as esquadrias, pisos, forros e elementos artísticos, conservados. O projeto, executado pelo Iphan-ES, teve contrapartida da Prefeitura Municipal da Serra (ES), com a restauração dos sinos da igreja.

Dom Dario iniciou sua fala com a saudação saudação cristã: louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo e afirmou que missas serão celebradas de forma intercalada, pela manhã e a noite. Dom Dario frisou ainda a importância religiosa do templo para todos que visitam o local.

O prefeito Audifax Barcellos agradeceu a presença alegre e as palavras de fé de Dom Dario e afirmou que o monumento não é somente do município da Serra, mas de todos os que o visitam.  “É importante preservar porque este lugar é história para as gerações futuras”, disse.

A presidente do Iphan, Kátia Bogéa, anunciou o museu  e disse que o Iphan sempre esteve presente na história viva do local. ” Em 1943 o Iphan salvou este tempo de desaparecer. Que o prefeito cuide para que não venha a se deteriorar. O senhor tem essa missão”, lembrou.

A empresa que fez o restauro foi também lembrada durante as falas e a superintendente do Iphan, Elisa Machado Taveira elogiou o trabalho executados durante as obras de restauração.

Histórico da Igreja dos Reis Magos

O conjunto arquitetônico de Reis Magos, construído entre os anos 1580 e 1615, com a ajuda dos índios tupiniquins, funcionou como núcleo de catequese indígena, ministrada por padres jesuítas, nos séculos XVI e XVIII. Na igreja, destacam-se como elementos artísticos integrados à arquitetura, o altar-mor com retábulo com quatro colunas em estilo salomônico, ladeando a pintura que representa os Três Reis Magos com Maria, José e o Menino Jesus.

A pintura Adoração de Reis Magos, localizada ao centro do altar-mor, é citada como a primeira pintura a óleo sobre madeira feita no Brasil. Datada de 1598, é atribuída ao padre jesuíta português Belchior Paulo, pintor quinhentista que esteve no Espírito Santo em 1598.

Igreja dos Reis Magos e Capela de Santa Luzia serão reinauguradas no Espírito SantoInscrita no Livro do Tombo Histórico e no Livro do Tombo das Belas Artes, em 1943, na época do tombamento a residência encontrava-se em estado de ruínas. Entre os anos de 1944 e 1945, o monumento sofreu uma grande obra de restauração. Em 2001, houve a última obra de restauro e, em 2006, o sítio arqueológico e a praça fronteiriça foram requalificados com tratamento paisagístico.

COMENTÁRIOS