buscar
por

SUA VIDA TEM SENTIDO?

A vida não é fácil pra ninguém, mas para quem tem fé, ela é bem menos complicada. Por exemplo, toda pessoa em algum momento da vida vai se perguntar: Por que eu nasci? Qual o sentido da vida? Como viver o dia a dia? O que é essencial ou secundário? O que é certo ou errado?

Na realidade são somente duas as questões fundamentais para o homem: qual o sentido da vida, isto é, onde ela vai terminar; e a segunda é o que fazer no dia a dia entre o berço e o túmulo, ou seja, ter um sentido na vida.

Para nós que cremos ambas as questões são claras e definidas. Quanto ao sentido do final da existência a resposta é simples e direta: o final da nossa existência é o céu, a vida eterna. Porém, é inútil querer entender e explicar com palavras humanas como será o céu. Simplesmente cremos. O dom da fé exige de nós uma boa dose de humildade, inclusive humildade intelectual. O orgulho intelectual do homem moderno é um dos empecilhos à fé.

Quem não acolhe e não cultiva o dom da fé, caminha na vida sem rumo exatamente como um andarilho de beira de estrada: caminha o dia inteiro de lugar nenhum para lugar algum! Logo ela vai se cansar de caminhar e desanimar. Quando a maturidade, a velhice e a morte vão se aproximando, cai no desespero.

Quanto à segunda questão, isto é, como conduzir a vida, a resposta para quem tem fé é também muito simples, podendo ser resumida numa frase: Fazer o bem é o que dá sentido à vida de alguém!

Para nós cristãos o que preenche o nosso dia a dia é combater o bom combate em todas e quaisquer circunstâncias, ou seja, seguir Jesus que “passou fazendo o bem” (Atos 10,38).

Se você vive angustiado e enrolado perguntando-se sobre o sentido da sua vida, trocando os pés pelas mãos, tomando decisões erradas, etc., isso pode ser por dois motivos: falta de fé ou falta do que fazer. Tome a decisão de buscar a Deus e saia da sua preguiça e egoísmo, comece a ajudar toda pessoa que cruzar o seu caminho que, lhe garanto, você vai ser a pessoa mais feliz desse mundo. Faça o teste.

Dom Rubens Sevilha, ocd
Bispo nomeado da Diocese de Bauru

editor1

Arquidiocese

Fundada em 1958 e abrangendo 15 municípios do Estado do Espírito Santo conta com 73 paróquias. Desde 2004 D. Luiz Mancilha Vilela é o arcebispo da arquidiocese.

Mais posts do autor

COMENTÁRIOS