buscar
por

Vaticano anuncia criação de rede global contra a máfia e a corrupção

Uma “rede internacional” para combater a máfia e a corrupção espalhadas pelo mundo será criada pelo Vaticano. A decisão foi anunciada na semana passada e vem de um documento final proposto durante debate sobre a corrupção em meados de junho, no Vaticano, realizado pela Consulta sobre a Justiça do Dicastério para o Desenvolvimento Humano Integral.

O documento leva em consideração um pedido de “Não à corrupção”, que o papa Francisco determinou como tema de sua rede mundial de orações para fevereiro de 2018.

Segundo um comunicado da Santa Sé, a Igreja no mundo já é uma rede e por isso pode e deve colocar-se a serviço de tal intenção com coragem, decisão, transparência, espírito de colaboração e criatividade.

A Consulta, que irá orientar a partir de setembro as iniciativas que devem ser tomadas contra a corrupção, aprofundará o estudo relativo a uma resposta global, através das Conferências Episcopais e as igrejas locais, sobre a excomunhão de mafiosos e às organizações criminosas afins, e sobre a perspectiva de excomunhão pela corrupção.  Segundo o Vaticano, a rede “não se reduzirá a algumas exortações porque serão necessários alguns gestos concretos”.

A notícia da criação da nova rede surge no mesmo dia em que foi revelado um apelo do Pontífice aos jovens brasileiros para que eles lutem contra a corrupção. “Vocês são a esperança do Brasil e do mundo, não tenham medo de combater a corrupção”, escreveu em mensagem enviada aos participantes de um evento organizado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

COMENTÁRIOS