buscar
por

Papa fala sobre sua primeira professora durante encontro com crianças em Roma

Crianças que cursam o ensino fundamental em escolas de periferias de Milão e Roma se encontraram com o Papa Francisco neste sábado e puderam fazer várias perguntas a ele, dentre elas, se Francisco se lembrava da primeira professora que teve.

Entusiasmado e sempre dócil, o Papa respondeu que o nome de sua primeira professora era Stella e contou às crianças que ela era uma boa pessoa, e ensinou a ele e aos colegas a ler e escrever muito bem.

“Quando acabei a escola, eu lembrava sempre dela, porque a primeira professora nunca se esquece. Eu ligava para ela quando era padre, jovem. E depois, quando virei bispo, a ajudei em sua doença. Ela morreu aos 94 anos e eu sempre a acompanhei. Nunca vou esquecê-la”, contou.

Francisco aproveitou a resposta para aconselhar os pequenos a sempre se lembrarem de seus professores. “Professores são as raízes de sua cultura, os ajudarão a dar frutos e flores”, disse

Depois de responder as várias perguntas das crianças, Francisco recebeu alguns presentes feitos por elas e agradeceu. “Estas coisas são maravilhosas, porque não foram compradas, mas feitas por vocês!. Foram feitas com as mãos e também com o coração. Quando se faz uma coisa com inteligência, coração e mãos, é uma coisa profunda e humana”, disse.

O encontro com as crianças fez parte da 6ª edição do “Trem das Crianças”, uma iniciativa promovida pelo “Pátio dos Gentios” e que teve como tema a “Cidade Amiga”: um sonho comum de todas as crianças. O encontro aconteceu na Sala Paulo VI, e as crianças aguardaram o Papa com o boné das FS (Linhas de Ferro Italianas) e a camiseta branca do “Trem das Crianças”.

 

 

COMENTÁRIOS