buscar
por

Hóstias com pouco glúten ou comunhão com o vinho para celíacos

Uma carta-circular publicada pela Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos aos Bispos  Diocesanos com relação à fabricação do pão para a Eucaristia, levantou um debate sobre o fato dos celíacos, pessoas que têm intolerância ao glúten, poderem ou não comungar.

Segundo o documento, o pão deve ser ázimo, unicamente feito de trigo e que a introdução de outras substâncias como frutas ou mel se configura em um abuso grave. A circular adverte ainda que as hóstias sem glúten são inválidas.

O Padre Fábio de Freitas Guimarães, oficial da Congregação para o Clero esclareceu que a a intenção da circular é alertar quanto à qualidade das hóstias sem glúten, porque na maioria dos casos elas contêm outras substâncias que não são trigo e água, as únicas permitidas.

Ele disse ainda que é possível diminuir a quantidade de glúten na hóstia, o que permitiria que as pessoas com o problema possam comungar. Outra possibilidade, segundo o Pe. Fábio é que os celíacos comunguem com o vinho.

 

COMENTÁRIOS