buscar
por

A ternura se fez carne e veio morar no meio de nós, artigo de Pe. Xavier

O resgate da ternura seria para o Pe. Xavier o melhor antídoto para combater a violência que vivemos nos dias atuais. Para ele, o tema da Campanha da Fraternidade de 2018: “Fraternidade e superação da violência“ e o lema: “Vós sois todos irmãos e irmãs” (Mt 23,8) são atuais e devem ser uma oportunidade de conversão pessoal e comunitária, priorizando o resgate da ternura.

“A ternura é uma força que impulsiona a construir pontes para aproximar as pessoas; a largar os próprios interesses para ser solidários com quem sofre; a vencer a indiferença e assumir
o cuidado pelo outro; a escancarar as portas dos templos para ir rumo às periferias; a superar formas de consumismo religioso à medida do próprio individualismo doentio ou manifestações religiosas que têm como objetivo a busca do alívio imediato ao problemas pessoais em detrimento do compromisso com a transformação da sociedade; a abrir os ouvidos para ouvir os clamores dos excluídos; a derrubar os preconceitos para acolher e integrar as diferenças;
a criar círculos restaurativos para mediar os conflitos e pactuar formas de convivência saudável; a montar mesas ao redor das quais todos podem sentar para partilhar com equidade os bens da criação.

Leia o artigo na íntegra.

COMENTÁRIOS